buscar
“As mais avançadas técnicas de imagem para estudos de sistemas biológicos, da molécula ao organismo inteiro.”
“Infraestrutura científica única na América Latina.”
 
     
 
     
 
Revisão dos 15 anos de estudos da p53 mutante

Pesquisadores do INBEB publicam revisão dos 15 anos de estudos da p53 mutante no Accounts of Chemical Research
 
Os pesquisadores do INBEB Jerson Lima Silva, Vitor Ferreira, Elio Cino e Iaci Nunes publicaram em dezembro, no Accounts of Chemical Research, um artigo sobre os 15 anos de estudo da agregação amiloide e priônica de p53 mutantes, que pode levar ao câncer. A publicação abrange desde as primeiras descobertas sobre a aglomeração da proteína, divulgadas em 2003, até seu uso potencial para o desenvolvimento de novas drogas contra o câncer.

Estima-se que as mutações na p53 podem levar à morte de meio bilhão de pessoas em todo o mundo, daí a importância de se encontrar um novo medicamento capaz de conter a doença. O artigo completo está disponível para acesso aberto no site do periódico (em inglês).

 

Figura 01: múltiplas facetas da p53

 

Figura 02: reação da agregação de p53

 
     
     
   
     
2018 - Todos os direitos reservados.